Mudanças entre as edições de "Seção "Early life" na Wikipédia em inglês"

De Wikinet
Ir para navegação Ir para pesquisar
(publish.)
 
m
 
(2 revisões intermediárias pelo mesmo usuário não estão sendo mostradas)
Linha 1: Linha 1:
A '''seção "Early Life" na Wikipédia em inglês''' é uma seção encontrada em artigos/verbetes biográficos na [[Wikipédia em inglês]] que descrevem eventos da infância de uma pessoa, como sua data e local de nascimento e sua família imediata.
+
Em artigos biográficos da [[Wikipédia em inglês]], a '''seção "Early life"''' é geralmente uma das primeiras e descreve eventos da infância de uma pessoa, como sua data e local de nascimento e sua família imediata. A seção equivalente na [[Wikipédia em português]] é "Início da vida" ou "Início de vida", muitas vezes traduzida diretamente dos artigos em inglês.
   
Devido às informações sobre a origem étnica e religiosa de uma pessoa, muitas vezes disponíveis na seção "Early Life" (o "Início da Vida" em inglês) ela tem sido usada para verificar se uma determinada pessoa é [[judaísmo|judia]], muitas vezes por aqueles que buscam espalhar o sentimento anti-semita. No final da década de 2010, memes-apitos-cão referenciando a seção foram espalhados online, com a frase "Early Life" sendo usada para referenciar a etnia judaica.
+
Devido à seção geralmente conter informações sobre a origem étnica e religiosa de uma pessoa, ela tem sido usada para verificar se uma determinada pessoa é [[judaísmo|judia]], muitas vezes por aqueles que buscam espalhar o sentimento {{w|antissemitismo|antisemita}}. No final da década de 2010, memes do tipo ''dog whistle'' (aqueles que apenas um determinado público entende) referenciando a seção foram espalhados online. O termo "Early life" passou a ser usado para referenciar a etnia judaica.
   
A primeira postagem acerca nessa descoberta é no [[4chan]] em que um usuário anon se referia à seção "Early Life" de um artigo da Wikipédia em inglês para verificar se uma pessoa em discussão é judia foi postada em [[/pol/]] (política) na 4chan em 27 de janeiro de 2014, embora a prática sim não ganhará grande popularidade até 2019, quando os anons passaram a usar essa prática pra divulgar práticas anti-judaicas (anti-semitas e anti-sionimso), glorificar o nazismo e a causa palestina.
+
A primeira postagem acerca dessa descoberta foi no [[4chan]], em que um usuário anônimo se referiu à seção "Early life" de um artigo da Wikipédia em inglês para verificar se uma pessoa em questão era judia. A postagem foi compartilhada no [[/pol/]] do 4chan em 27 de janeiro de 2014. Mas a prática ganhou grande popularidade em 2019, quando os ''anons'' passaram a usá-la para divulgar práticas antissemitas, glorificar o [[nazismo]] e por vezes a causa palestina.
   
 
== Fonte ==
 
== Fonte ==
 
* https://knowyourmeme.com/memes/early-life-wikipedia-section
 
* https://knowyourmeme.com/memes/early-life-wikipedia-section
  +
  +
[[Categoria:Wikis]]
  +
[[Categoria:Memes]]

Edição atual tal como às 08h22min de 9 de setembro de 2021

Em artigos biográficos da Wikipédia em inglês, a seção "Early life" é geralmente uma das primeiras e descreve eventos da infância de uma pessoa, como sua data e local de nascimento e sua família imediata. A seção equivalente na Wikipédia em português é "Início da vida" ou "Início de vida", muitas vezes traduzida diretamente dos artigos em inglês.

Devido à seção geralmente conter informações sobre a origem étnica e religiosa de uma pessoa, ela tem sido usada para verificar se uma determinada pessoa é judia, muitas vezes por aqueles que buscam espalhar o sentimento antisemitaWikipedia's W.svg. No final da década de 2010, memes do tipo dog whistle (aqueles que apenas um determinado público entende) referenciando a seção foram espalhados online. O termo "Early life" passou a ser usado para referenciar a etnia judaica.

A primeira postagem acerca dessa descoberta foi no 4chan, em que um usuário anônimo se referiu à seção "Early life" de um artigo da Wikipédia em inglês para verificar se uma pessoa em questão era judia. A postagem foi compartilhada no /pol/ do 4chan em 27 de janeiro de 2014. Mas a prática só ganhou grande popularidade em 2019, quando os anons passaram a usá-la para divulgar práticas antissemitas, glorificar o nazismo e por vezes a causa palestina.

Fonte[editar]