Sociedade

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa
Raul Seixas propôs uma "sociedade alternativa" (que, logicamente, nunca deu certo).

Segundo uma enciclopédia nada confiável, a sociedade é um conjunto de pessoas que compartilham propósitos, gostos, preocupações e costumes. Por exemplo, na "sociedade alternativa", proposta por Raul Seixas em sua célebre música,[1] se incluiria membros drogados, tiozões e desempregados, que ouvem rock setentista enquanto fumam um baseado e tomam cerveja. Outro exemplo é a sociedade brasileira, formada por políticos ladrões, doleiros e oportunistas.

Exemplos de sociedade[editar]

A sociedade americana[editar]

Donald Trump é o melhor exemplo do americano padrão, pois só come coisas gordurosas e é a favor do porte de armas até para retardados como ele.

A sociedade americana é conhecida por ser formada por gordos que só comem fast-food, que têm no mínimo 50 armas em casa "para se defender" e são ultra-nacionalistas. Por outro lado, foi uma das sociedades que mais deram certo, pois seus membros vivem numa qualidade de vida muito boa, ao contrário de integrantes de outras sociedades. Por lá, não é muito comum se achar pedintes na rua ou até mesmo assaltantes. Apesar disso, massacres em escolas são comuns.

A sociedade russa[editar]

Os russos geralmente têm uma foto do Putin na parede, bebem até caírem no chão e vivem agasalhados por causa do frio. Além disso, ouvem aquelas músicas estranhas enquanto dançam de forma mais estranha ainda.

A sociedade japonesa[editar]

Entre os japoneses, encontramos suicidas, hikikomoris e aficcionados por tecnologia. Por lá, a pressão social para ser um bom estudante e profissional bem sucedido se transmite numa sociedade insegura e muito trancada. Mas tem o lado bom também.

A sociedade brasileira[editar]

No Brasil, os políticos estão pouco se lixando se a sociedade está bem ou mal, eles só querem dinheiro e influência. E comer novinhas

No Brasil, tudo acaba em pizza, ou seja, você pode roubar milhões dos cofres públicos, praticar crimes do colarinho branco e lavar quanto dinheiro você quiser que, contratando um bom advogado e comprando o juiz, você no máximo paga uma fiança de cem reais e fica numa boa no seu iate comprado com dinheiro do Estado.


Ver também[editar]

Referências