Social democracia

De Wikinet
(Redirecionado de Socialdemocracia)
Ir para: navegação, pesquisa

Social democracia (às vezes escrito com hifen, social-democracia, outras vezes aparece a merda toda junta, como se fosse escrito em alemão, socialdemocracia) é uma ideologia política que pretende ser um meio termo entre o capitalismo (neoliberal, assassino, filho da puta[1] [2]) e o comunismo (ateu, comedor de criancinhas [3] [4] [5]), que prega um Estado não tão inchado e onipotente quanto o comunismo, e um mercado também não tão inchado e onipotente como no capitalismo, sendo considerado uma Terceira Via entre os radicalismos de esquerda e direita.

A social democracia é uma merda.

Pior: desde que o comunismo morreu, em 1989, e o capitalismo seguiu o mesmo caminho, em 2008, não tem mais praticamente nenhum país democrático no mundo que não seja socialdemocrata. Aliás, alguns países chegam ao cúmulo de terem partidos viáveis que sejam socialdemocratas: o que se viu nas eleições brasileiras de 2014 é que todos candidatos eram socialdemocratas, desde o óbvio Aécio Neves (do partido que se chama social democrata) até a Marina e a Dilma. Os Estados Unidos, a Rússia, todos países da Europa, Canadá, Índia, Japão, até mesmo Indonésia, é tudo social democracia.[6]

As origens da social democracia estão no século XIX, como uma forma mais atenuada e democrática de marxismo, mas a porra pegou mesmo força durante a Guerra Fria, sendo vista como uma terceira opção para quem não queria se submeter à ditadura do mercado defendida pelos Estados Unidos e à ditadura do proletariado (ou seja, a ditadura da elite russa) defendida pela União Soviética.[7] Assim como a opção pela viadagem, a socialdemocracia agradou a quem se sentia bissexual, o cara (ou a depósito) gosta de pica e de buceta, então porque não curtir os dois? Assim, a social democracia pretendia pegar o que tinha de melhor no capitalismo (eficiência em produzir riqueza) e combinar com o que tinha de melhor no comunismo (eficiência em distribuir riqueza).

Faz parte dos métodos da social democracia programas como o Bolsa família, levar eletricidade para todos, erradicar a pobreza, conter os ricos para eles não abusarem do poder econômico para oprimir e prostituir os mais pobres; ao mesmo tempo, a social democracia incentiva a formação de empresas privadas fortes e dinâmicas.

Tudo muito bom e bonito. Na teoria. Na realidade, esta porra não pode dar certo. Por um pequeno detalhe: os seres humanos continuam sendo seres humanos: egoístas, preguiçosos, malandros, ganaciosos e, basicamente, filhos da puta.

Então, o que se vê pelo mundo todo é que, dada a oportunidade do vagabundo não trabalhar, ele não vai trabalhar, [8] e foda-se se algum otário vai pagar a conta.

Por isso a social democracia consegue ser pior que o capitalismo e o comunismo. No capitalismo, o vagabundo que não quer trabalhar vai morrer de fome.[9] No comunismo, o vagabundo que não quer trabalhar vai ser enviado para "reeducação socialista", ou seja, pegam o filho da puta, mandam a um campo de trabalhos forçados onde o cara tem que trabalhar como escravo 18 horas por dia, para ele deixar de ser inútil.[10] Na social democracia, o vagabundo que não quer trabalhar recebe uma mesada do Estado para continuar não trabalhando nem procurando emprego, afinal, se o vagabundo nem mesmo procura emprego, ele não aparece no índice de desempregados, então temos a maravilha de uma taxa de desemprego no mínimo histórico com uma percentagem de vagabundos que não trabalham em um máximo histórico.[11]

Não pode dar certo.

E é tão óbvio que não pode dar certo, que até mesmo os antigos romanos já sabiam disso: quando os caras cunharam a expressão "Pão e Circo", [12] eles estavam, no fundo, dizendo que a social democracia era uma merda.

Salsa

  1. https://www.indybay.org/newsitems/2013/05/26/18737380.php
  2. http://www.hermes-press.com/capitalist_genocide.htm
  3. query.nytimes.com/mem/archive-free/pdf?_r=1&res=9B02E4DE1231EF33A2575AC2A9639C946395D6CF&oref=slogin
  4. http://www.theage.com.au/news/world/baby-boiling-a-communist-speciality-berlusconi/2006/03/27/1143441087229.html
  5. www.nytimes.com/1997/02/05/books/horror-of-a-hidden-chinese-famine.html
  6. Se bem que a Rússia está mais para uma cleptofascistocracia do que uma socialdemocracia.
  7. http://monthlyreview.org/2000/03/01/the-third-way/
  8. Daí a chiadeira geral contra o fator previdenciário, uma das poucas coisas boas que o governo brasileiro conseguiu fazer para estimular o trabalho e não a vagabundagem.
  9. http://www.workers.org/2011/editorials/hunger_1215/
  10. http://w3.osaarchivum.org/gulag/f.htm
  11. www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/10/1536846-taxa-de-desemprego-recua-para-49-mas-numero-de-ocupados-fica-estavel.shtml
  12. http://www.capitolium.org/eng/imperatori/circenses.htm
Ambox plus.png Este artigo precisa de mais pr0n
Você pode ajudar a Wikinet adicionando mais pr0n.