Silvio Koerich

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa
Silvio real.jpg

Silvio Koerich era o nome de um blog antifeminista criado por um desconhecido que se identificava pelo pseudônimo "Silvio Stodieck Koerich". Como todo site masculinista, continha dicas de como profitar depósitos, bem como críticas à sociedade moderna e a movimentos pós-modernistas como o feminismo. Foi lá que dois channers famosos, Psycl0n e Emerson, se conheceram. Inicialmente eram amigos, porém após o dono do site não permitir certos comentários muito jorges que eles faziam em 2011, eles resolveram se vingar criando dois sites falsos com o mesmo nome contendo ameaças de morte, genocídio, racismo, apologia ao estupro, fotos de pedofilia e zoofilia, necrofilia, pessoas degoladas, etc. Esses dois sites receberam muito mais atenção que o original, causando grande comoção. No início de 2012, após quase 70 mil denúncias e meses de atividade, Psy e Emerson foram presos e o site foi fechado.

Um dos sites falsos criados por Emerson e Psy.

Origem[editar]

Ameaça de tiroteio pelo blog em 20 de março de 2012.

O nome Silvio Koerich (ou Sylvio) remonta a um usuário do Orkut muito popular nas comunidades masculinistas, em especial O Lado Obscuro das Mulheres e Elas Preferem os Canalhas. Silvio frequentava essas entre outras comunidades e foi um dos responsáveis por popularizar o movimento masculinista no Brasil. Ele recrutava membros mandando a real nas comunidades e ganhou fama na rede como o slogan "O Perdedor Mais Foda do Mundo". Não se sabe a conexão entre o usuário e os criadores do blog.

Silvio 'original' era um marketeiro, ele usava girias de quem mexe com marketing em suas conversas mais reservadas. Ao que parece a intenção do Silvio 'original' era fazer um cópia do blogue Testosterona, o 'radicalismo' com tentativa fracassada de humor, era para disfarçar a cópia de estilo.

— AFC, no blog da Lola

[1]

Rumores dizem que o autor do blog Pobretão de Vida Ruim era o real Silvio, o que nunca ficou comprovado.

Vídeos[editar]

Galeria[editar]

Ver também[editar]

Links externos[editar]

  • https://escrevalolaescreva.blogspot.com/2011/12/vitoria-temporaria.html