Justiça Social

De Wikinet
(Redirecionado de SJW)
Ir para: navegação, pesquisa
Aviso.gif Aviso:
Existem inúmeros exemplos do retardo dos SJWs, que aconteceram tanto no Brasil quanto fora. É humanamente impossível listar todas essas ocorrências. Por favor, ajude este artigo ao adicionar exemplos de casos que comprovem como os SJWs são idiotas.


Como os justiceiros do Tumblr medem o privilégio de alguém

SJW = Social Justice Warrior

O termo justiceiro social se refere a pessoas que lutam pelo "bem do mundo" ao promover a justiça social dos oprimidos[1] e no final do dia, postam tudo isso em suas redes sociais para se auto promoverem.

Ao contrário do que realmente acontece por aí, os justiceiros sociais querem "melhorar" a sociedade[2] ao beneficiar absurdamente pessoas de outras raças ou sexualidades e ao atacar o homem branco hétero opressor, pois o último já se deu bem demais nessa vida e merece se foder um pouco, daí vem a palavra "justiça" de "Justiça Social", uma tentativa de reparar os erros históricos (isto é, como os brancos escravizaram os negros, então os brancos têm que pagar por isso agora). Se você for um homem branco e hétero, você tem que se sentir culpado só por existir e não tem o direito de reclamar, pois Deus já te criou normal para que você não tenha problemas na vida - e isso NÃO É preconceito.

Os justiceiros sociais surgiram na Internet como um pequeno grupo de hipsters que compartilhavam suas artes em sites como Tumblr e deviantART e ao mesmo tempo tentavam competir em quantos grupos que lutam pelas causas sociais eles fingiam fazer parte. O grupo cresceu e hoje em dia os SJWs vão atacar qualquer coisinha que pareça estar fora do lugar na visão de minorias injustiçadas deles. Eles fazem os gays parecerem mais retardados do que são, e os transexuais parecerem mais aberrações ainda. Foram eles que fizeram o feminismo ser motivo de piada no mundo inteiro e que influenciaram várias depósitos de porra a pensarem que têm mais direito do que os homens as concedem e que atualmente a sociedade já não coloca a buceta delas num pedestal.

Hoje em dia, os SJWs compõem boa parte do câncer da Internet, e eles estão presentes em qualquer lugar, até mesmo em chans, onde eles são considerados inimigos mortais.[3]

Die cis scum[editar]

A cara do Die Cis Scum.

Para você ter uma ideia do tamanho do retardo dos SJWs, conheça o novo termo cunhado pelos SJWs: Die Cis Scum. Esse termo é popular entre eles, usado para lutar contra a opressão dos cissies. Se você não sabe o que é um cissy, é alguém que é cisgênero, ou seja, alguém que se identifica com o sexo com que nasceu. Ou seja, é normal, mas os SJWs não aprovam o termo "normal" porque o que foge dos padrões (ou seja, transexuais) é "anormal" e isso é opressão na visão deles.

O termo ficou mais popular quando uma (ou um?) YouTuber falou do termo, criticando os cissies que acham esse termo ofensivo e tentando justificar a lógica de merda retardada dos SJWs.

Sim, é com isso que um SJW se parece.

No Brasil[editar]

Justiceiros sociais costumam utilizar produtos da Apple, cunhando o termo "socialista de iPhone"

Enquanto que no resto do mundo os justiceiros sociais são vistos como completos retardados, no Brasil ainda há certa aceitação pelas suas ideias e princípios. Claro que os casos que mais repercutem são motivos de piadas (como o mansplaining da Kéfera e o MacBook de Spartakus Santiago), mas a população é incapaz de reconhecer as ideias reais dos justiceiros sociais, então simplesmente fazem memes zombando deles e seguem com seus dias, enquanto isso os justiceiros sociais possuem inúmeros blogs e canais no YouTube feministas falando sobre o privilégio dos brancos, apropriação cultural, identidade de gênero, a lindeza do socialismo[4] e outras desilusões esquerdistas.

Existem vários políticos que são justiceiros sociais, incluindo toda a nata dos partidos esquerdistas. É claro que eles participam de ativismo apenas para se autopromover e promover seus partidos. Como nenhum político presta, raramente as pessoas expõem apoio publicamente. Enquanto que os direitistas veneram seus políticos, tudo o que os esquerdistas fazem é xingar os políticos venerados pela direita, sendo incapazes de defender seus próprios políticos - e quando o fazem, temos aberrações como "Lula Livre".

Exemplos de políticos notadamente SJW são: Jean Wyllys, Manuela D'Avila, Luciana Genro.

Ver também[editar]

Salsa

  1. Negros, LGBTs, mulheres e quealquer um que seja considerado diferente.
  2. Como a justiça social feita com as próprias mãos nos beneficiam
  3. De fato, chans BR normalmente discutem ideias da direita alternativa, enquanto que o Magalichan, o chan de depósitos, foi criado para servir de "resistência", isto é, discutindo ideias esquerdistas.
  4. Fato engraçado: o comunismo não é defendido em nenhum lugar do mundo além do Brasil. Fonte: meu cu