Polícia Federal

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa
Policia federal propina federal.gif
PF.jpg
PF-fofo.jpg
Japonês da Federal prendendo o japonês da Federal

A Polícia Federal, conhecida pela sigla PF, que também pode significar Patrulha Feliz, Porcos Fedorentos, Propina Federal ou Palhaços de Farda, é a entidade policial e investigativa máxima no Brasil. A PF, especialmente sua unidade que lida com crimes cibernéticos, é o maior terror de todos os jorges e pedófilos da internet. Por outro lado, como a PF é formada por patetas facilmente manipuláveis, é altamente imprestável e a maioria dos crimes que ela combate só aumentam. A única coisa que a PF consegue fazer com sucesso é gerar entretenimento por serem uns palhaços.

A PF é praticamente a mesma merda que as polícias estaduais, só que mais chiques, vestem preto e prestam concurso.

Objetivos[editar]

Criada nos anos 40 para ser a guarda pessoal de Getúlio Vargas, a PF protege o Estado e não o povo, aplicando leis que foram criadas arbitrariamente por parasitas autoritários, ou seja, não são nada mais do que capangas do Estado. Entre os crimes que a PF diz combater, estão:

  • Sonegação - Como não aceitar ser roubado pelo Estado é um crime, a PF prende sonegadores. Mas isso não adianta de nada, já que bilhões de reais são sonegados anualmente no Brasil.
  • Contrabando - Não aceitar dar parte do seu lucro para os parasitas do Estado também é crime, então o Estado rotula quem não quer ser roubado de "contrabandista". Também não adianta nada, graças ao bom Deus, e nós ainda temos fácil acesso a produtos livres de taxação.
  • "Tráfico" de drogas - Basicamente, o Estado determina, de forma totalmente aleatória e arbitrária, quais drogas você pode usar e quais não pode (por exemplo, álcool e tabaco são permitidos, enquanto maconha e LSD não são). Assim, a PF combate aqueles que tentam vender as drogas "proibidas" no seu livrinho sagrado chamado "Código Penal". Também não adianta porra nenhuma, pois o mercado das drogas "proibidas" continua sendo um dos maiores.
  • CP - Como são incapazes de localizar pessoas que realmente abusam de crianças, vão atrás de tarados que simplesmente baixam CP na internet, sem prejudicar ninguém, na justificativa de que isso estaria incentivando a produção de mais conteúdo (por essa lógica, ver gore também deveria ser proibido).

Como se pode ver, a PF combate coisas completamente sem sentido e nem pra isso serve.

Operações famosas da PF na Internet[editar]

PF prendendo Emerson na Operação Intolerância em março de 2012

Pra ter ideia de como a PF é imprestável até na Internet, ela realizou várias operações cujos nomes ficaram bastante conhecidos entre os channers, mas nenhuma delas serviu pra porra nenhuma, pois o que elas combateram voltou com força ainda maior.

  • Operação Intolerância - Prendeu Emerson e Psy em 2012 por terem criado o Silvio Koerich. Apesar de terem sido condenados a quase sete anos de prisão, ambos foram soltos apenas um ano depois e continuaram cometendo jorgices ainda mais extravagantes na internet.
  • Operação Bravata - Prendeu Psy novamente em 2018. Também não adiantou de nada, pois mesmo de dentro da cadeia ele fez outra ameaça em nome do Emerson Depois de ser transferido para um presídio de segurança máxima por causa disso, houve suspeitas de que ele tinha pago a fiança de 10 mil e sido solto.
  • Operação Illuminati - A operação mais fail de todas. O objetivo era prender admins do Dogolachan por causa do Massacre de Suzano (uma associação que nem existe, gerada por fake news). Os agentes são tão burros que foram atrás de qualquer um que teve seu nome exposto no Dogola como mod e estão completamente perdidos na investigação.
  • Operação Lulz Luz na Infância - Operação de várias fases que prendeu vários pedoleiros por aí. Mesmo assim, a pedofilia continua rolando solta.

Ver também[editar]