Magalichan

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa
A Magali da Turma da Mônica, personagem que inspirou o nome

Magalichan é o nome de vários chans e boards brasileiros, antigos e atuais, voltados ao público feminino. O Magali original existiu entre 2011 e 2014 em diversos endereços. A partir de 2018, surgiram várias cópias e reencarnações do Magali original, na forma tanto de chans independentes como de boards.

Em 2018, foi criada uma board com a mesma temática no 8chan chamada /magali/, que começou a ganhar movimento em agosto de 2018 e ficando cada vez mais autoritária com o tempo, impulsionando a criação de uma board rival chamada /coz/, criada com o intuito de ser livre de censuras.

Com o fim do 8chan em 5 de agosto de 2019, ambas as boards foram extintas. No dia 17, um chan novo, representando a continuação da board /magali/, foi criado no endereço https://magalichan.org/, mas logo caiu também. Em 8 de outubro, foi criada a board /magali/ no 8channel. Em 16 de novembro, o magalichan.org voltou e logo depois a board /magali/ do 8channel caiu por inatividade. Assim, hoje resta apenas o magalichan.org.

Magali original[editar]

Magalichan
Magali.png
Fundação2011
FalecimentoMeados de 2014
Dono(a)Magali
N
Websitehttp://magalichan.co.cc/

http://magalichan.freezoka.net
http://m4g4l1.comlu.com/
http://magal.li/

http://magaliichan.eu5.net/

O Magalichan original, aparentemente batizado conforme o nick da criadora, foi um chan fundado em 2011 com a proposta inovadora de ser feito por mulheres e para mulheres.[1] Mesmo numa época em que a Internet tinha menos baitolice que hoje, mulheres não eram bem-vindas em chans (especialmente no BRchan, que era o principal na época). A ideia do Magali surgiu da necessidade de um ambiente anônimo para mulheres com os mesmos interesses dos channers homens.

Abrigava discussões de cunho feminista e trolls samefagueando fingindo serem lésbicas. Foi considerado o chan mais falho das interwebz brasileiras (depois do DSChan, é claro). A moderação e userbase dos era composta basicamente de mulheres frequentadoras de Twitter e Tumblr que cansaram de fingir serem homens em imageboards tradicionais e decidiram falhar no seu próprio chan. Como todo ambiente frequentado majoritariamente por mulheres, não deixava de ter intrigas, inveja, picuinhas, fofoca, TPM peido de boceta, menstruação escorrendo na roupa etc.

Foi assim que o chan cresceu.

Foi hospedado em diversos endereços, mas parece ter sumido como um chan independente lá para a metade de 2014 (ou um pouco depois). Coincidentemente ou não, essa foi a época em que surgiu o Salmãochan, outro chan que permite mulheres e criado por uma (suposta) mulher.

Boards[editar]

Boas-vindas.
Notícia de fechamento.

As boards tinham discussões fúteis típicas de mulheres entre 0 e 99 anos. As temáticas giram em torno de homens, pornô, moda, pornô, cozinha, pornô e outros assuntos que qualificam qualquer machista para classificar as mulheres como burras e depósitos de porra.

As boards do Magalichan original eram:

  • /coz/ - Aleatório (A versão feminina do /b/)
  • /cw/ - Board para camwhores mostrem seus peitos e pés. Algumas tinham peitos tão caídos que chegavam até os pés
  • /men/ - Pr0n para mulheres ou viados
  • /modess/ - Moderação
  • /bicha/ - Moda, beleza, estética e outras futilidades femininas
  • /loli/ - Board feita para as depósitos tentarem (e falharem) fazer um cosplay e/ou se vestirem de lolita (elas dizem que essas coisas são diferentes, mas todo mundo sabe que é a mesma merda)
  • /m/ - Board para as depósitos tentarem ficar magras e colocar e fazer os peitos não encostarem mais no chão
  • /les/ - Board para depósitos que curtem um esfrega-esfrega
  • /oppai/ - PEEEEEITOS >sua cara quando não tem peitos

Galeria[editar]

/magali/ e /coz/ (boards do 8chan)[editar]

/magali/
MagaliResistencia.png
Magali comunista, símbolo da "resistência"
Fundaçãoagosto de 2018
Falecimento5 de agosto de 2019
Dono(a)Veia (/magali/)
Websitehttps://8chan.org/magali/
https://8chan.org/coz/

Em agosto de 2018, a board /magali/ do 8chan, que até então era uma board desértica dedicada ao shitpost,[2] assumiu uma reencarnação do Magali original, tornando-se mais séria, e adquiriu um bom número de userbase. A dona era uma esquerdista balzaquiana que se autointitulava "Veia". Inicialmente, permitia homens e o conteúdo era relativamente livre. No entanto, a board foi ficando cada vez mais autoritária, adotando visões esquerdistas.

Não contente com a simples alcunha de ser um "chan só para depósitos", o /magali/ resolveu se tornar a "resistência", ou seja, já que em todos os chans o que mais predomina são opiniões de extrema-direita, a Veia resolveu, em contrapartida, fazer da sua board um ambiente de extrema-esquerda. A princípio, a ideia era que as usuárias fossem "melhores que seus inimigos", permitindo a participação de anões e sendo aberto para debater ideias. Só que tudo isso mudou quando o chan resolveu ser adepto ao extremismo de seus opositores, não permitindo mais homens a partir de fevereiro de 2019[3] e sendo um chan exclusivo para se debater ideias de esquerda. A Veia chegou até a colocar banners de "Lula Livre" e outras merdas do tipo.

Nem precisamos falar a tourobosta que é esse princípio de "debater ideias de um lado", adotado tanto pelo /magali/ como por chans tradicionais. Ideias são ideias; se tudo o que você acredita é voltado para uma ideologia específica, então você é um NPC.

Por causa da censura do /magali/, foi criada uma outra board chamada /coz/ (o mesmo nome da board principal do Magalichan de 2011), que era uma cópia do /magali/, porém com o intuito de ser livre de censuras. Segundo a dona do /coz/, a Veia era autoritária no seu recinto e "apagava e bania todos os posts que não fossem para lamber seu clitóris".

As boards /magali/ e /coz/ do 8chan acabaram com o fim do site em 5 de agosto de 2019, completando mais ou menos um ano de existência.

Magalichan.org (2019–presente)[editar]

Magalichan
MagaliTurma.png
Fundaçãoc. 17 de agosto de 2019
Dono(a)Technomage (até 26/02/2020)

CKW (26/02 a 19/03/2020)

??? (desde 19/03/2020)
Websitehttp://magalichan.org

Por torno do dia 17 de agosto, um chan novo e independente foi aberto no endereço https://magalichan.org/. O "travecão" Technomage, então recém-expulso do Dogolachan, foi um dos criadores, mas havia também outros, como a Vomitt. Este novo Magali voltou a permitir homens e opiniões políticas que não fossem de esquerda. Caiu por alguns dias, mas voltou no dia 5 de setembro, até cair de novo duas semanas depois no dia 19.

Com a criação do 8channel no dia 8 de outubro de 2019, foi criada lá a board /magali/. Temiam que o chan independente não iria vingar devido à sua instabilidade.

O magalichan.org voltou no dia 16 de novembro e Technomage convidou para a moderação Miv, board owner do /magali/ do 8channel, e também a dona do do /coz/ do falecido 8chan.

No dia 25 de novembro, o magalichan.org sofreu uma onda de raids de usuários do Dogolachan.

Em meio a investigações policiais, o chan ficou inativo durante algumas horas por motivos desconhecidos no dia 19 de janeiro de 2020, junto com o Realchan, mas depois ambos voltaram.

No dia 26 de fevereiro de 2020, Technomage passou a administração do chan para uma hacker conhecida como CKW. No dia 19 de março, a CKW afirmou que não administrava nem moderava mais nenhum chan; sendo assim, não se sabe quem é a atual dona ou dono do Magali. É possível que a administração tenha caído para um dos moderadores.

Boards[editar]

O Magali atual, recriado no dia 16 de novembro, conta com as seguintes oito boards:

  • /b/ - Aleatoriedades
  • /coz/ - Cozinha (board somente para mulheres)
  • /mod/ - Moderação
  • /mad/ - Elas e eles. (board de perguntas e respostas entre os sexos)
  • /antifa/ - Movimento AntiFascismo
  • /foguinho/ - Agência de Casamentos (Tinder do Magalichan)
  • /coven/ - Bruxaria
  • /wired/ - Testes
  • /escoria/ - Ajuda Emocional
  • /frufru/ - Beleza, Estética e Moda

Quando foi criado em 17 de agosto, tinha o /b/, o /mod/ e o /high/, mas depois ficou só o /b/.

Admins[editar]

Alguns dos admins do Magali:

Segundo relatos de Technomage no Dogolachan, Cough Syrup era uma criança com problemas de socialização que criou o site para fingir ser mulher e fazer amigos.

Mascote[editar]

Seguindo a lógica básica de que qualquer coisa feita por mulher é uma merda (exceto sexo, comida e limpeza), as depósitos de porra do Magali tentaram fazer um mascote. Fizeram uma versão anime e enviadada da personagem Magali da Turma da Mônica, e ficou uma merda. Reparem que não dá nem pra ter certeza sobre a sexualidade dessa porra.

Ver também[editar]

Salsa

  1. Mas todo mundo sabe que todos são gordões até que se prove o contrário.
  2. https://web.archive.org/web/20171205004514/https://8ch.net/magali/index.html
  3. O que não significa nada, já que aqui é a Internet e o que mais tem é homem se passando por mulher. Até na Wikinet tem.

Ligações externas[editar]


4chan logo.png Magalichan faz parte de nossa série de artigos sobre
chans
Visite o Portal:Chans para mais artigos do gênero.