Lyle Rossiter

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa
Lyle Rossiter.jpg

Lyle Rossiter, também conhecido como o Olavo de Carvalho da Psiquiatria, é um pseudopsiquiatra americano que disse que ser de esquerda é doença, sendo considerado como um ultradireitista e um ultraconservador.

Não se sabe muito da vida de Rossiter. Tudo que se sabe é que ele se formou em psiquiatria em uma universidade de extrema-direita nos EUA, onde começou com as suas teorias antiesquerdistas, provando que de fato a psiquiatria é uma pseudociência e ainda que a esquizofrenia é uma invenção direitista.

Rossiter possui como seu maior feito o rossiterismo, também conhecido como lylerossiterismo ou como rossiterianismo, que é uma corrente política de extrema-direita que se caracteriza pelo uso da psiquiatria como instrumento de opressão social e de controle social, de forma a implantar o pensamento conservador em todos e perseguindo toda a oposição.

Graças a Rossiter, hoje, o movimento antipsiquiatria usa do lylerossiterismo como argumento para provar que a psiquiatria é algo que deve ser combatido e refutado, além de já possuir pessoas que dizem e defendem que direitismo é uma doença mental, como o caso do Humberto Mattos do Saia da Matrix e do famoso Paulo Ghiraldelli.

A conclusão que podemos chegar disso é que de fato a psiquiatria possui seu lado opressivo e pseudocientífico, e pode ser usada como um aparato de opressão social e para hegemonizar certa ideologia, mas ainda sim existem diversas críticas por parte de psiquiatras de esquerda sobre Rossiter. Afirmam que o que ele fez é algo antiético e antipsiquiátrico que serviu de munição para o movimento antipsiquiatria e principalmente para a esquerda mais radical dizer que a psiquiatria é um aparato opressor da direita.