Extrafisicismo

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa

O extrafisicismo, também conhecido como extrafisicalismo, é um movimento intelectual, contrário ao transumanismo, que defende a evolução humana pela via extrafísica e espiritual. Extrafisicistas apoiam tecnologias para que possibilitem essa evolução, tais como a psiontecnologia, a tecnologia das Cordas entre outras.

O extrafisicismo foi criado por William Ariel Mounter em 2019, depois de uma fusão entre o vibracionalismo e o psionicismo em uma coisa só, além dele perceber que o que ele defendia estava mais para um ramo extrafísico do que para o próprio psionicismo.

Em base, o extrafisicismo possui duas principais correntes teóricas: o extrafisicismo natural e o extrafisicismo artificial. O extrafisicismo natural defende a evolução extrafísica pela via natural, utilizando de magia natural e de meditação para alcançar o objetivo, enquanto que o extrafisicismo artificial defende a evolução extrafísica pela via tecnológica e extracientífica. Claro que as duas correntes podem andar juntas e nada impede delas coexistirem.

O extrafisicismo defende a criação de tecnologias que possibilitem a evolução extrafísica, tais como a psiontecnologia, uma forma de nanotecnologia que trabalha a nível psion e espiritual, e a tecnologia das cordas, que usa as cordas da teoria das cordasWikipedia's W.svg para fazer diversas coisas, tornando os humanos seres extrafísicos materializados, havendo a forma extrafísica materializada e a forma extrafísica não-materializada, que se diferencia na densidade e pelo fato da forma extrafísica materializada ser material e a forma extrafísica não-materializada ser literalmente um espírito.

Existe também a união psionicismo-extrafisicismo, que defende o desbloqueio das habilidades psiônicas e sobrenaturais pela via do extrafisicismo e com tecnologias extrafísicas, havendo uma coexistência e união psiônica-extrafísica (psionextrafísico) e espiritual.

Existem várias controvérsias em torno do extrafisicismo, tais como ele ser idealista demais pelo fato de tratar de algo sobre o qual não se possui muita comprovação. Na verdade existe a comprovação, mas não é algo aceito pelos positivistas e pelos ateus. É também criticado pelo fato de ser algo bastante avançado para as pessoas poderem pensar ou imaginar, além de haver críticas de pessoas espiritualistas que dizem que o extrafisicismo é um "transumanismo extrafísico", uma transumanização da espiritualidade e da extrafísica para combater a ideia de se misturar com máquinas materiais, enquanto o extrafisicismo defende que os humanos virem seres extrafísicos materializados via tecnologias inspiradas nas tecnologias transumanistas.