Bolsonarvs Mictvs Sanctvs

De Wikinet
(Redirecionado de Bolsonaro)
Ir para: navegação, pesquisa
Bonoro-Imperador.png
Bonoro-velociraptor.jpg
Bonoro-tanque.jpg

Sua Excelência, o Micto, o Nitro, o Dragão Branco de Olhos Azuis, Majestade do Trono de Brasília, o Arqui-inimigo do Petismo, Jair I da Casa de Bolsonaro é o atual ditador presidente do Brasil, enviando por Jesus para salvar o Brasil das garras do petismo e da degeneração. Pelo menos isso é o que diz a direita, que o idolatra como um deus, mesmo ele não sendo bem de direita.[1] Em contrapartida, por ele ser declaradamente contra o movimento LGBT, a favor da pena de morte e da Ditadura Militar,[2] ele é visto como um demônio pela esquerda. O ser humano é assim mesmo: não conhece meios-termos; ou venera ou demoniza um indivíduo.

Enquanto a esquerda adora chamá-lo de homofóbico, fascista, machista, racista, taxista e maquinista, a direita tem orgulho de dizer que ele nunca foi acusado de corrupção[3] e é o salvador do Brasil (bem, isso era exatamente o que pensavam do Lula antes dele ser eleito, mas isso é outra história).

Me chama de corrupto, porra!

—Bolsonaro

Previsão do futuro da Bolso Família

Herói nacional

Bolsonaro é basicamente um deus que salvará o Brasil, fazendo do país um lugar bom de novo (spoiler: nunca foi bom).

Ele tem a resposta para todos os problemas do país, que são de questões ideológicas e de violência. Ele irá resolver tudo isso liberando o porte de arma para o brasileiro honesto e trabalhador (outro spoiler: não existe brasileiro honesto), irá impor pena de morte para bandidos (o que levará a morte todos os seus companheiros da câmara dos deputados), castração química para estupradores (pois estuprador não merece morrer, merece viver sem pênis), reduzindo a maioridade penal (e como brasileiro é recordista em começar a bandidagem cedo, terá que reduzir para 1 mês) e acabando com a educação sexual e homossexual nas escolas (pois tal assunto deve ser tratado pelos pais, que sabem menos disso que os filhos que vivem lendo putaria na internet).

Opiniões, declarações e práticas

Protesto de dois esquerdistas contra a candidatura de Jair Bolsonaro.
  • É a favor da Ditadura Militar e disse que, caso se tornasse presidente, daria um golpe de Estado e fecharia o Congresso no mesmo dia.[4]
  • Não acredita na democracia. Disse que o Brasil só vai melhorar quando houver uma guerra civil que "terminará o serviço do Regime Militar matando 30 mil" e em que inocentes vão acabar inevitavelmente morrendo.[4]
  • É favorável à tortura.[4]
  • Sonega impostos sempre que possível.[4]
  • Defende o fuzilamento de traficantes (pelo menos na Indonésia)[5]
  • "Me chama de corrupto, porra!" e "Me chamam de racista e de homofóbico porque não podem me chamar de corrupto"[3]

Ver também

Galeria

Referências

  1. Há controvérsias, porque, em economia, Bolsonaro defende políticas tipicamente esquerdistas. Exemplo: https://www.oantagonista.com/brasil/bolsonaro-e-de-esquerda/
  2. Bolsonaro nega que o Brasil teve uma ditadura a partir de 1964: "Nunca houve ditadura militar no Brasil! Mentiram pra você, jovem!" https://twitter.com/jairbolsonaro/status/805399501401886721?lang=pt
  3. 3,0 3,1 http://juarezrodrigueson.blogspot.com.br/2016/03/jair-bolsonaro-me-chama-de-corrupto.html
  4. 4,0 4,1 4,2 4,3 Câmera Aberta, 23/05/1999. https://www.youtube.com/watch?v=WWOWsUiddhg
  5. http://www.ocaodeguardanoticias.com.br/2012/09/bolsonaro-faz-mocao-de-apoio-presidente.html